Supermercado Couto

Taxa de ocupação na Ala Amarela Pediátrica do HU de Lagarto chega a 160% no fim de semana

Unidade porta aberta de Urgência e Emergência para a região de saúde de Lagarto, o Hospital Universitário de Lagarto (HUL-UFS/Ebserh) tem atingido ultimamente altas taxas de atendimento de porta e ocupação de leitos.

Um dos setores mais demandados nos últimos dias tem sido o de Clínica Pediátrica, frente ao aumento expressivo do número de pacientes pediátricos que têm sido levados à unidade hospitalar para atendimento.

“Especialmente nesse período de doenças respiratórias, nossa Área Amarela, setor em que cuidamos das crianças com instabilidade, inclusive aqueles que precisam de algum tipo de suporte ventilatório (para melhorar o padrão de respiração) tem ficado constantemente com número de pacientes acima da capacidade”, ressalta dra Camile D’Avila Levita, chefe da Pediatria do hospital.

A taxa média de ocupação da Ala Amarela Pediátrica da unidade hospitalar ao longo dos últimos sete dias atingiu 172% de ocupação. E neste final de semana está em torno de 160% de ocupação.

“Esses pacientes mais graves precisam de mais dias de cuidado hospitalar até a melhora para ser liberado para casa, e este é um dos motivos pelo qual também a Enfermaria (setor onde ficam os pacientes já estabilizados) tem tido taxa de ocupação maior que a habitual”, chama a atenção a médica pediatra.

Para a especialista, tem ocorrido uma a mudança no perfil dos pacientes pediátricos que neste período chegam ao hospital para atendimento. “Como somos referência no interior do Estado por sermos o único Hospital regionalizado com escala todos os dias da semana de médicos especialistas em Pediatria, estamos recebendo pacientes com perfil de maior gravidade e que demanda tempo de internação mais prolongado”, adverte Camile D’Avila.

Ocupação hospitalar

Já a taxa de ocupação hospitalar do Hospital Universitário neste fim de semana está em torno dos 126%, ressaltando em volume setores como a Unidade Amarela, em 160%; a Unidade Vermelha, em 133%; a Clínica Médica, em 159%; e a Clínica Cirúrgica, em 120 por cento.

O quadro de lotação da unidade hospitalar também vem sendo reforçado pelo aumento consistente de internações de pacientes por doenças crônicas agudizadas, bem como pelo aumento de acidentes e traumas por agressões interpessoais na região de saúde de Lagarto.

Devido ao aumento significativo do número de atendimentos a pacientes adultos e pediátricos, o atendimento em determinados dias da semana no HUL tem ficado restrito a casos de urgência e emergência.

Fonte: Assessoria

PUBLICIDADE

1 COMENTÁRIO

  1. Era muito legal se vendesse o SUS aos exploradores da mão-de-obra humana e consumidores, para definir o público alvo. Como muitos pobres miseráveis, infelizes e badulejadores de poderosos apoiam a venda do patrimônio nacional aos exploradores da mão-de-obra e consumidores . Pra os capatazes dos poderosos e os mesmos usarem e abusarem de seus filhos se quiserem se manterem no emprego e serem promovidos. Muitos dizem que as mulheres bonitas são seus alvos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui