Supermercado Couto

Escolas públicas de Lagarto recebem kits tecnológicos do Projeto Educação Sergipe Conectada

Os investimentos nessa ação são de R$ 1.183.736,00

Quinze escolas públicas de Lagarto, oito das quais são da  rede estadual e sete do município, receberam nesta quinta-feira, 12, kits de inovação tecnológica contendo 632 notebooks, 17 projetores multimídia e 17 carrinhos de carregamento móvel. Os equipamentos foram adquiridos por meio do projeto Educação Sergipe Conectada, iniciativa do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc). Os investimentos nessa ação são de R$ 1.183.736,00.

O programa foi criado em 2017 com o objetivo de transformar realidades nas escolas públicas brasileiras, por meio da informação e da tecnologia. Em Sergipe, a adesão ao programa aconteceu em 2019, contemplando as escolas estaduais e municipais de Lagarto para a implementação de um projeto-piloto visando à inserção de ações, práticas pedagógicas e outras estratégias que cumprem os desafios identificados com o projeto. Os equipamentos entregues serão essenciais para acesso à internet e retomada do processo formativo das equipes escolares, assim como das ações educativas com os estudantes.

Fazendo a entrega oficial dos kits, o secretário da Seduc, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, ressaltou que investir em tecnologia educacional é um passo importante para democratizar a educação, tornando-a ainda mais justa e igualitária.

“Esse período de pandemia foi também um período de grande aprendizado sobre o papel da tecnologia, sobretudo pelos dispositivos que contam conteúdos de qualidades e que podem e devem ser utilizados como estratégias educacionais. Entretanto, infelizmente, o país ainda tem problemas de infraestrutura em telecomunicações, a qual deixa a desejar e não suporta o tráfego de dados que hoje se demanda. Alguns desses equipamentos aqui entregues, como esses carrinhos, são algumas das estratégias para superar esses gargalos. Cumprimento o BNDES por esse importante apoio nesta etapa do projeto, as nossas equipes que viabilizaram essa ação e, principalmente, nossos professores que vão levar essas conquistas aos nossos estudantes”, declarou.

Segundo Juliana Kramer, gerente substituta do Departamento de Educação e Investimento Social do BNDES, a implantação do projeto em Sergipe foi apoiada em quatro dimensões diferentes: visão, formação, infraestrutura e recursos educacionais digitais.

“Hoje a gente dá um grande passo na adoção da tecnologia pelas escolas, cujas ações serão seguidas visando a estratégias que utilizam  os recursos educacionais digitais. Quero fazer um convite a todos os professores para um engajamento nessa iniciativa porque percorremos um longo caminho de estruturação de projetos, e a pandemia teve efeitos bastante desafiadores, mas agora com essa retomada e a chegada desses equipamentos poderemos fazer com que esse projeto seja mais uma ferramenta nesse retorno das atividades letivas e para solucionar os desafios da educação”.

Escolas celebram
De acordo com a diretora Regional de Educação 2 (DRE 2), professora Daniela Santos Silva, esse momento foi muito aguardado pelas escolas públicas de Lagarto, cujo processo foi iniciado há três anos com a formação de professores. “É um material que vai servir para implementar as metodologias ativas nas escolas, vai possibilitar que os professores desenvolvam atividades diversas. Então todo esse equipamento é de uma riqueza impressionante porque terão escolas que vão receber mais de 50 notebooks, que são as de maior porte, outras receberão de 30 a 40. Ou seja, aliado ao material tecnológico que a escola já tem em seus laboratórios de informática, isso é um incentivo fundamental para a implementação da tecnologia na escola”, salientou.

A diretora do Colégio Estadual Sílvio Romero, professora Maria Tamires Ribeiro dos Santos, destacou que os 50 notebooks que a unidade de ensino recebeu trarão mudanças significativas na rotina da comunidade estudantil, “ampliando o acesso a ferramentas que vão além do celular, no qual eles terão à sua disposição equipamentos para utilizar durante as aulas, vendo como funciona, explorando novos aplicativos, novos recursos e ferramentas. A chegada desses equipamento só vai engrandecer o trabalho que já é desenvolvido pelos nossos professores”, celebrou.

Quem também comemorou a chegada dos notebooks foi a professora Rejane Rodrigues Félix, diretora da Escola Municipal Adelina Maria de Santana Souza, localizada no Centro de Lagarto. A unidade recebeu 40 equipamentos. “Estamos muito felizes com esse momento. Com certeza esse material vai proporcionar um maior desempenho para os nossos alunos e consequentemente para os nossos professores, que vão se debruçar na realização de pesquisas para desenvolver novas metodologias e aplicar na sala de aula. Os alunos, tendo acesso a essas tecnologias que eles amam, vão ter uma aprendizagem bastante significativa”, disse.

Núcleo de Tecnologias Educacionais
Na ocasião também foi entregue à comunidade escolar do Centro-Sul sergipano o Núcleo de Tecnologias Educacionais da DRE 2 (NTE). O espaço foi totalmente reformado com recursos da Seduc para abrigar um moderno centro de formação de professores, visando a práticas educacionais voltadas para estratégias em inovação tecnológica. A diretora da regional, professora Daniela Santos, informou ainda que o NTE também será ponto de apoio para as formações do Projeto Educação Sergipe Conectada. “O núcleo conta com um auditório, uma sala de reuniões para realização de videoconferências e dois laboratórios de informática, contando com 26 computadores”, frisou.

Fonte: Governo de Sergipe

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui