Supermercado Couto

Seduc e Funesa dialogam sobre parceria de cursos profissionalizantes na área da Saúde para Simão Dias

O superintendente executivo da Seduc, professor José Ricardo de Santana, recebeu na manhã desta segunda-feira, 4, representantes da Fundação Estadual de Saúde (Funesa). O encontro teve como objetivo debater uma possível parceria para a oferta de cursos profissionalizantes na área da Saúde, a serem implantados no Centro Estadual de Educação Profissional Professor Udilson Soares Ribeiro, instalado no município de Simão Dias.

O diálogo se deu com a participação da equipe do Serviço de Educação Profissional da Seduc (Sepro) e também da diretora da DRE 2, Daniela Santos Silva. “A nossa perspectiva é fazer uma interação com a Funesa, a fim de que esse eixo da Saúde esteja em consonância com o que está sendo feito hoje no Estado, com as demandas e necessidades de formação profissional, e fazer esses acordos de acesso a laboratórios, junto à equipe da Funesa. Foram sugeridos alguns cursos, e um dos próximos passos é fazer a coleta de demandas nas escolas e na comunidade da região, para verificar a viabilidade desses cursos”, afirmou o superintendente.

Para a diretora-presidente da Funesa, Lavínia Aragão, a agenda tratada na reunião foi bastante estratégica na perspectiva de estreitar mais uma parceria. “Nós temos a Escola Estadual de Saúde Pública, que já oferta cursos para trabalhadores do SUS. Estreitando essa parceria com a Educação, a gente entende que os processos formativos, de um modo geral, serão fortalecidos, aproximando as expertises que cada uma das instituições tem, para que no fim a população sergipana saia ganhando”, disse. Ela explicou que a ideia é apoiar a Seduc na oferta de cursos profissionalizantes na área da Saúde, “dialogando com as necessidades daquela região e potencializando essa formação atrelada às necessidades do mercado e dos serviços de saúde”. Segundo ela, isso fará com que o alunado possa voltar para aquela região atendendo à demanda que é absorvida pelo mercado de trabalho. “Os serviços de saúde só terão a ganhar com esses novos profissionais”, declarou.

Para a diretora da DRE 2, uma parceria entre a Seduc e a Funesa com esse objetivo é de grande importância. “A Funesa tem expertise em formação nessa área, acompanha e auxilia o gerenciamento dos equipamentos de saúde da região centro-sul”, disse. Opinião semelhante foi compartilhada pela coordenadora pedagógica do Sepro, Daniele Andrade. “A gente não tinha escola de educação profissional em Simão Dias, então esse será um ganho muito grande, ainda mais na área da saúde, um eixo que vai beneficiar os estudantes na entrada para o mercado de trabalho”, declarou.

Fonte: SEDUC
PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui