• Supermercado Couto Lagarto - O melhor supemercado da região bem pertinho de você

Ação conjunta deflagra Operação Gato-pipa em Poço Redondo

Iniciativa busca coibir desvio de água da Deso para abastecimento de carros-pipas

A Polícia Civil, em trabalho integrado com a Polícia Militar, Deso e Instituto de Criminalística, deflagrou a Operação Gato-pipa nas primeiras horas desta quarta-feira, 24, no município de Poço Redondo, no Alto Sertão Sergipano. A ação visou cumprir 20 mandados de busca e apreensão, objetivando coibir desvios de água da Deso, destinados a abastecer carros-pipas ilegalmente. Ao todo, sete pessoas foram presas em flagrante. Em 12 locais, foram constatados desvios de água. Também foram apreendidas munições e um veículo adulterado.

Após minucioso trabalho investigativo da equipe coordenada pelo delegado Jorge Eduardo, que está à frente da Delegacia Regional de Nossa Senhora da Glória, foi possível concluir que, na região de Poço Redondo, estava sendo desviada a água das tubulações da Deso. Os levantamentos mostraram que o furto qualificado do bem mineral visa abastecer os carros-pipas, vendidos aos pequenos produtores rurais da região.

Continua após a publicidade..

Nesta manhã de quarta, após representação da Polícia Civil junto ao Poder Judiciário e expedição de autorizações de busca e apreensão por parte da Justiça, diferentes endereços são visitados pelas equipes, para cumprimento dos 20 mandados. “Todos os locais estão sendo verificados, com o apoio da Polícia Militar, da Deso e do Instituto de Criminalística, tudo no sentido de verificar possíveis ligações clandestinas e subsidiar as investigações, para que os responsáveis sejam punidos pelo crime de furto qualificado de água”, citou o delegado Jorge Eduardo.

Operação Gato-pipa

O nome da operação combina o termo informal ‘gato’, referindo-se ao ato de clandestinamente desviar algo, neste caso a água, com a palavra ‘pipa’, em alusão ao carro-pipa, veículo usado para a execução dos crimes investigados nessa ação.

Fonte: SSP/SE

Continua após a publicidade..
PUBLICIDADE
  • Minas Telecom

Deixe uma resposta