Semana Mundial da Alimentação em Lagarto terá palestras e divulgação dos alimentos orgânicos

COMPARTILHAR
Variada produção orgânica cultivada no Perímetro Irrigado Piauí (Foto: Jonathas Bruno / Gedea-Cohidro)

Promover a produção orgânica realizada no Perímetro Irrigado Piauí, em Lagarto, será o objetivo dos três dias consecutivos de eventos, que a Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro) está organizando no município sul-sergipano. Na terça-feira, 17, no campus da Universidade Federal de Sergipe (UFS), na quarta, no Colégio Estadual Professor Abelardo Romero Dantas e quinta, no Sindicato de Trabalhadores Rurais de Lagarto. Nesses locais, a partir das 9h, ocorrerão palestras, depoimento dos agricultores e exposição dos alimentos cultivados por eles. Aproveitando o mote do Dia Mundial da Alimentação, celebrando no dia 16.

Terezinha Albuquerque (Foto: Ascom Cohidro)

Maria Terezinha Albuquerque, Técnica da Gerência de Desenvolvimento Agrário da Cohidro (Gedea), está coordenando o evento e explica que a intenção é mostrar que no município, existe produção orgânica acessível à população local. “Vamos primeiro ao ambiente universitário, que tem conhecimento das alternativas de alimentação saudável, via o consumo de alimentos naturais. Queremos dizer e demostrar, na prática, que eles podem ter acesso a esses alimentos sem precisar procurar a capital do Estado, ali mesmo em Lagarto, em feiras até direito na área produtiva do agricultor orgânico, já que nosso perímetro irrigado fica muito próximo à zona urbana”, justifica sobre o dia de evento no campus Lagarto da UFS.

Terezinha considera ainda que o segundo dia será tão especial quanto o primeiro, já que terá por função a conscientização. “Por meio dos jovens, que são estudantes do nível médio, é possível alertar dos benefícios de uma alimentação saudável e livre de qualquer risco de contaminação por agrotóxicos. Convencidos disso, eles levam essa informação para dentro de casa, mostrando aos familiares que existe essa maneira mais sadia de se alimentar e que é sim possível fazer isso mesmo no interior, em Lagarto”, completa ela.

Presidente José Carlos Felizola (Foto: Ascom Cohidro)

Para o presidente da Cohidro, José Carlos Felizola, o evento inova, por quebrar dois grandes paradigmas. “Por parte dos produtores rurais orgânicos, que o Governo do Estado atende, existe aquela reivindicação constante por uma logística que os permita levar seus produtos para vender na capital. Por outro lado, é muito comum o pessoal do interior, que quer optar por uma alimentação saudável, com alimentos orgânicos, achar que só em Aracaju vai encontrar os produtos para isso. Importantíssimo a realização destas ações que informam ao mercado consumidor que já existe no interior, produtores desses alimentos. E a população local, que ao lado da  sua cidade, tem gente produzindo de maneira agroecológica e responsável, a partir da orientação dos técnicos da empresa”, considera, parabenizando a equipe da Diretoria de Irrigação e do Perímetro Piauí pela iniciativa.

Palestras

Abre o evento, em ambos os dias, o Técnico Agrícola da Cohidro e Lagarto, Marcos Emilio de Almeida, que vai falar, aos estudantes, dos processos que permitem a ‘produção orgânica’. O servidor tem a função, no Perímetro Irrigado Piauí, de acompanhar, de perto, os agricultores com a produção agroecológica já consolidada, mas também atua no processo de ‘conversão’, das áreas de plantio, em lotes livres do uso de agrotóxicos. Esta atividade é a única que ocorrerá nos três dias de evento.

Gildo Almeida Lima, gerente do Perímetro Piauí, explica que quando foi a campo divulgar o evento em Lagarto, acabou recebendo o convite para estender a programação ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais. “Eu, junto do nosso técnico agrícola e palestrante Marcos Emílio Almeida, fomos nas entidades locais, rádios e órgãos públicos, para fazer o convite do ciclo de palestras da terça e da quarta. Foi quando surgiu a oportunidade de encaixamos a mesma palestra sobre ‘Produção Orgânica’, dada por Marcos, ao evento que o Sindicato estará promovendo na quinta (19), o ‘1º Encontro de Conscientização sobre o Outubro Rosa’, focado na prevenção do Câncer de Mama e voltado ao público de jovens agricultores”, relatou.

Nos dois primeiros dias,o evento terá sequência na palestra da professora da UFS em Lagarto, Izaura Virginia Reis Menezes Valença, sob o tema da ‘Alimentação Saudável’. O ponto de partida na conscientização das pessoas em optarem consumir alimentos orgânicos, vem da mudança de seus hábitos alimentares. Os alimentos cultivados sem o uso de agroquímicos dão mais segurança para o consumo de vegetais in natura ou crus, base de toda dieta alimentar que priorize a saúde.

Variada produção orgânica cultivada no Perímetro Irrigado Piauí (Foto: Jonathas Bruno / Gedea Cohidro)

Outro aspecto importante e amplamente permitido a quem consome alimentos livres agrotóxicos, é o ‘aproveitamento integral dos alimentos’. Sobre o tema, também vai palestrar, na terça e quarta-feira, Aline Rezende Alves, nutricionista do Programa Mesa Brasil, do SESC em Sergipe. Segundo essa tendência gastronômica, muito do que é jogado fora no preparo dos alimentos que consumimos, como cascas, sementes, pode ser processado e reaproveitado em outras receitas, surpreendendo em sabor e até apresentando teor nutritivo superior àquela parte do vegetal que nós, culturalmente, aceitamos ser a consumível.

“Faz parte do nosso trabalho, de acompanhamento do produtor irrigante, em nossos perímetros, oferecer e até criar mercados consumidores para que eles possam escoar suas colheitas. No caso do orgânico, isso é mais necessário ainda, já que se trata de um consumidor especializado, que se predispõe em pagar um preço diferenciado, para obter um produto de qualidade. Será muito importante, promover o encontro entre consumidor e o produtor orgânico em Lagarto. Estamos confiantes de que o resultado será positivo”, avalia o diretor de Irrigação de Desenvolvimento Agrícola da Cohidro, João Quintiliano da Fonseca Neto.

Depoimentos de vida

Ninguém melhor para vender um produto, onde a dedicação e esmero estejam tão presentes, do que próprio produtor orgânico. Essa oportunidade deles se expressarem, de mostrar toda a experiência vivenciada na missão de não mais lançar mão à praticidade do agrotóxico, para produzir, vai ser possível no encerramento dos dois primeiros dias de eventos. Logo depois, eles fazem exposição dos alimentos que produzem no Perímetro Irrigado.

Os agricultores vão dar o depoimento do que fazem para garantir esses alimentos naturais, livres de qualquer contaminante para quem consome e para as famílias que produzem.Também, nada menos importante, produzir por vias agroecológicas eliminam os riscos ao ambiente que vivemos: reservas hídricas, solo e a biodiversidade, que temos o dever de preservar às gerações futuras.

Dia Mundial da Alimentação

Celebrado em 16 de outubro, marca a data de fundação da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO), em 1945. Tem por objetivo desenvolver uma reflexão a respeito do quadro atual da alimentação mundial e principalmente sobre a fome no planeta. Na data, a própria entidade realiza diversas atividades artísticas, esportivas e acadêmicas ao redor do mundo.

Serviço¹:
O que:   Semana da Alimentação da Cohidro – Produção Orgânica no Perímetro Irrigado Piauí
Onde: Universidade Federal de Sergipe – Campus Lagarto-SE
Quando:17 de outubro, a partir das 9h

Serviço²:
O que:  Semana da Alimentação da Cohidro – Produção Orgânica no Perímetro Irrigado Piauí
Onde: Colégio Estadual Professor Abelardo Romero Dantas – Lagarto-SE
Quando:18 de outubro, a partir das 9h

Serviço³:
O que:  Semana da Alimentação da Cohidro – Produção Orgânica no Perímetro Irrigado Piauí (durante o 1º Encontro de Conscientização sobre o Outubro Rosa’)
Onde: Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Lagarto-SE
Quando:19 de outubro, a partir das 9h

FAÇA UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here