Vigilância Sanitária, Secretaria Rural e Meio Ambiente avaliam o Matadouro

COMPARTILHAR

Engenheiros e técnicos das Secretarias de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente e da Vigilância Sanitária estiveram visitando o abatedouro com o objetivo de realizar uma avaliação e desenvolver um cronograma de atividades para implantar.

O que for sendo detectado como inadequado pela equipe técnica vai sendo implantado pelo Município. “Tudo isso para que não aconteça com o nosso matadouro, que atende a regiões circunvizinhas, o que houve em outras cidades: a interdição”, disse o secretário Flamarion Déda.
Muitas melhorias já foram implantadas como o abatimento ‘humano’ com pistola automática, deixando o animal menos estressado. Outra foi o jejum do boi, que passa 24 horas sem se alimentar e desse modo produz menos resíduos.

Além de Flamarion, estiveram participando o secretário de Comunicação Aloisio Andrade e o diretor de Meio Ambiente Antônio Carlos.

FAÇA UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here